Diamante Azul

1 03 2010

“Há sítios no mundo que são como certas existência humanas: tudo se conjuga para que nada falte à sua grandeza e perfeição. Este Gerês é um deles.”

Miguel Torga, Diário VII

O Grupo Pioneiro do Agrupamento 1143 de Oiã realizou, de 13 a 16 de Fevereiro, o seu ACACAR2010 – Acampamento de Carnaval no Parque Nacional da Peneda-Gerês.

Esta actividade teve como tema “Diamante Azul” baseado no imaginário do filme “Diamante de Sangue” e pretendeu dar a conhecer um dos últimos refúgios naturais do nosso País. A base desta actividade foi o bonito Parque de Campismo da Cerdeira onde estiveram acampados 12 escuteiros do nosso Agrupamento.

Leia o resto deste artigo »

Anúncios




Acantonamento em Tábua

23 12 2009

“Partilhar e Ajudar” foi o lema escolhido para o plano de actividades anual da II Secção do Agrupamento 1143 de Oiã, que no último fim-de-semana, de 18 a 20 de Dezembro, realizou um acantonamento em Candosa, concelho de Tábua.

Leia o resto deste artigo »





Pioneiros: Fotos de Serpins

4 01 2009

Fotos do acampamento de inverno dos Pioneiros em Serpins:





Grupo Explorador – Acantonamento de Inverno – Guardão, Caramulo

8 12 2008

Em cumprimento do plano de actividades para 2008/09, o Grupo Explorador do Agrupamento 1143 de Oiã realizou, no passado fim-de-semana de 05 a 07 de Dezembro, um acantonamento de Inverno, em Guardão – Caramulo.

Na sexta-feira, pouco antes das 19 horas, os exploradores iam chegando à Sede preparados para mais uma aventura. Quando o autocarro chegou, carregaram o material e pouco depois arrancaram para a Casa do Povo de Guardão, local onde iriam acantonar. Já com o material descarregado, realizou-se um atelier de orientação por carta militar, dotando os exploradores com conhecimentos de orientação por azimutes, coordenadas, distâncias, escalas e legendagem, para o raid do dia seguinte.

No sábado de manhã, os exploradores partiram para raid. Apesar da chuva que caiu sobre a região e que obrigou a equipa de animação a encurtar a caminhada, os exploradores concluíram o raid. Durante o mesmo, tiveram oportunidade de visitar o museu do Caramulo, mais conhecido pela exposição automóvel, mas que também contempla uma vasta secção de arte (nomeadamente escultura, tapeçarias e pintura) e uma secção de brinquedos.

Já depois de jantar, realizou-se o fogo de conselho, um momento em que os elementos da II Secção se reuniram à volta da fogueira e partilharam jogos, canções, teatros, orações e mesmo de sentimentos e emoções experimentadas na anterior caminhada.

No Domingo, os exploradores foram à Igreja de Guardão participar na Eucaristia local. De regresso à casa do Povo de Guardão, arrumaram e limparam o local de acantonamento e realizaram jogos típicos da Secção, nos quais foram relembradas as leis e os princípios do escuta, sob os quais fazemos a nossa Promessa. Depois de avaliarem o acantonamento e as suas actividades, os exploradores regressaram à Sede em Oiã, onde se encerrou a actividade.

Muitos dos elementos do grupo estão pela primeira vez na II Secção e este foi o primeiro contacto com a sua realidade, o seu método e a sua mística. Da avaliação conjunta, este evento resultou numa boa experiência para todos, essencial na integração dos novos elementos e coesão nas recém-formadas patrulhas.

Os nossos agradecimentos à Câmara Municipal de Oliveira do Bairro pela cedência de Transporte e ao povo de Guardão que tão bem nos acolheu e convidou a regressar.

Acantonamento de Inverno 08 - Guardão, Caramulo

Acantonamento de Inverno 08 - Guardão, Caramulo





Acantonamento de Inverno

17 12 2006

Realizou-se nos dias 16 e 17 de Dezembro de 2006 o primeiro acantonamento do ano escutista dos exploradores, junto à Igreja de Mamodeiro.

No Sábado de manhã, junto se concentraram os exploradores junto à sede para que em campo nada faltasse. Chegados a Mamodeiro, procedeu-se à oração da manhã e à distribuição de funções. As funções são os papeis que cada criança tem de desempenhar dentro da sua patrulha tal e qual como uma equipa de trabalho. Posteriormente, realizou-se um atelier sobre orientação por carta, que incidia sobre pontos cardeais, legendagem, coordenadas, distâncias e altitudes – formação que seria essencial para o raid que teve início logo a seguir ao almoço e culminou com a chegada a campo por volta das dezassete horas. Neste tempo, os exploradores foram convidados a fazer a viagem que Maria e José realizaram antes do nascimento do menino Jesus, com todos os seus contratempos.

A equipa de animação teve ainda tempo para dar atenção às etapas de progresso, ajudando os elementos a completarem algumas provas. Depois do jantar realizou-se um serão, no qual as crianças ensaiaram um teatro sobre a fuga de Maria e José e o aparecimento dos Reis Magos, seguido de um jogo nocturno.

No Domingo de manhã os exploradores arrumaram o material, avaliaram o acantonamento e foram à missa local.

Foi um acantonamento cheio de actividades e uma primeira experiência no mundo explorador para aqueles que vieram dos lobitos ou mesmo de fora do escutismo. Há ainda a referir que é a primeira vez que os exploradores deste agrupamento seguem uma dinâmica de patrulhas mistas, com elementos de ambos os sexos, experiência que, a ponderar pela avaliação das crianças, foi bem sucedida e deu os seus frutos, bem como todo o acantonamento em si.

Exploradores - ACAINV 2006

Exploradores - ACAINV 2006





Acampamento de Inverno – Palhaça

19 12 1998

O Primeiro Acampamento do Agrupamento, no Campo de Formação da Palhaça: